Facebook SDK

A carta sugere que da mesma forma que os horários foram estendidos para evitar o contágio durante a votação nas últimas eleições, essa medida também poderia ser adotada pelo comércio.

CDL Sertânia envia carta ao prefeito pedindo relaxamento da quarentena
Foto: Reprodução/ Eduardo Azevedo/ Mídia em Ação

O presidente do Clube de Dirigentes Lojistas de Sertânia (CDL Sertânia), André Rafael, enviou nesta tarde uma carta ao prefeito do município, Ângelo Ferreira, pedindo a flexibilização das novas medidas restritivas impostas pelo governador do Estado.

$ads={1}

No último dia 15, o governador anunciou um novo período de quarentena para todo o Estado, de 18 a 28 de março. A quarentena foi adotada como uma retaliação ao descumprimento de medidas restritivas impostas anteriormente.

A carta emitida pela CDL pede ao prefeito da cidade que reveja a situação dos pequenos comerciantes que foram taxados de “não essenciais” pelo decreto, bem como a logística adotada pelas empresas que permanecerão abertas.

Por conta do fechamento de grande parte do comércio, as empresas “essenciais” acabam recebendo um volume maior de visitantes ocasionando aglomerações, a exemplo de supermercados e bancos. Essa aparente incoerência foi questionada na carta.

“Essas aglomerações geram o efeito contrário anunciado pelo governador e poderiam ser evitadas com a extensão do horário de funcionamento do comércio e não redução do horário como feito até o momento. Essa medida foi adotada inclusive para garantir a segurança dos eleitores durante o último pleito eleitoral. As urnas funcionaram até mais tarde para evitar que os eleitores aglomerassem nas sessões eleitorais. Portanto, tendo a eficácia da medida já sido comprovada durante as eleições, poderíamos também adotá-la para o comércio com a certeza de que estaríamos zelando pela saúde da população”, diz um trecho da carta.

O presidente da CDL, afirma que a entidade está vigilante em relação aos cuidados sanitários em cada comércio associado e cita algumas das ações desenvolvidas ano passado em apoio ao comércio e à população mais carente da cidade:

  • Ainda no mês de maio do ano passado viabilizamos a doação de 1.000 (um mil) litros de álcool 70% para o Hospital Municipal Maria Alice Gomes Lafayette;
  • Em julho de 2020 arrecadamos e distribuímos 2 (duas) toneladas de alimentos para as famílias mais necessitadas da nossa cidade;
  • Também no mês de julho do ano passado realizamos fóruns de discussão juntamente com o SEBRAE-PE para viabilizar a retomada do comércio;
  • Em agosto de 2020, contando com a solidariedade de artistas locais, lançamos uma campanha de incentivo ao consumo para retomar a economia e;
  • Mais recentemente lançamos um minidocumentário com empresários locais falando sobre as dificuldades enfrentadas nesse último ano, ao mesmo tempo em que conscientizam as pessoas sobre a importância dos cuidados com a saúde.

O presidente da CDL apela à sensibilidade do prefeito e acredita que o esforço dos comerciantes tem contribuído para o controle da doença na cidade, tendo em vista que no último boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Saúde não havia sido registrado nenhum novo caso de Covid-19 em Sertânia.

Confira a carta na íntegra

CDL Sertânia envia carta ao prefeito pedindo relaxamento da quarentena
Divulgação


CDL Sertânia envia carta ao prefeito pedindo relaxamento da quarentena
Divulgação

$ads={2}

Inscreva-se no canal do Mídia em Ação no Youtube e visite as nossas páginas no Facebook, Twitter, Instagram e Vimeo!

Deixar comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Continua depois da publicidade

Publicidade