Entenda: O que é o Sistema Nacional de Trânsito, e por que Sertânia foi incluída?

A portaria de integração do município de Sertânia ao Sistema Nacional de Trânsito (SNT), foi publicada no Diário Oficial da União da última quinta-feira (26/08).

Entenda: O que é o Sistema Nacional de Trânsito, e por que Sertânia foi incluída?
Foto: Reprodução/ Eduardo Azevedo - Mídia em Ação

A Cetran-PE já havia dado parecer favorável ao processo de municipalização apresentado pela prefeitura e faltava apenas essa inclusão ao SNT, que permite ao município ter autonomia para planejar, organizar e coordenar o seu trânsito.

Agora, Sertânia terá melhores condições de investir e promover avanços no setor, a Prefeitura poderá atuar nas áreas de engenharia, educação e fiscalização do trânsito. Poderemos celebrar convênios com os governos federal e estadual, parcerias com Detran, Polícia Militar, Rodoviária, entre outros órgãos. Com isso, o município vai ganhar mais organização e gerar melhor qualidade de vida aos sertanienses”, disse Vladimir Cavalcanti (Secretário de Segurança e Mobilidade Urbana).

$ads={1}

EM RESUMO, O QUE É O SISTEMA NACIONAL DE TRÂNSITO (SNT)?

O Sistema Nacional de Trânsito (SNT) é o conjunto de órgãos e entidades da União, dos estados, do Distrito Federal e dos municípios que tem por finalidade o exercício das atividades de planejamento, administração, normatização, pesquisa, registro e licenciamento de veículos, formação, habilitação e reciclagem de condutores; educação, engenharia e operação do sistema viário, policiamento, fiscalização e julgamento de infrações e de recursos e aplicação de penalidades.

MUDANÇAS NO TRÂNSITO

Medidas adotadas pela prefeitura, sinalização horizontal e vertical (semafórica e pintura de meio fio), colocação de placas, troca de semáforos, definição de vagas de estacionamento, criação de rampas de acessibilidade, faixa de pedestres, padronização de taxistas, entre outras.

A Guarda Civil Municipal também foi capacitada para se dedicar a aplicação das leis de trânsito. Uma Central de Videomonitoramento também vai ajudar na identificação e resolução de irregularidades no trânsito.

REDUÇÃO DOS ACIDENTES

Essas melhorias já resultaram numa redução no número de acidentes envolvendo carros e motos. Em 2019, foram registrados 311 sinistros com motocicletas. Já em 2020, esse quantitativo caiu para 263, uma redução de quase 16%. Se for levado em conta os números registrados até junho deste ano, quando foram computados 108 acidentes com motos, essa redução chega a 65% em comparação com 2019. 

Já com relação a carros, em 2019 foram notificados 41 acidentes envolvendo esse tipo de veículo e em 2020 o número caiu para 24, uma redução de mais de 40%. Se comparado com os números registrados até junho do ano corrente, 11 no total, a queda chega a 73%.

$ads={2}

Inscreva-se no canal do Mídia em Ação no Youtube e visite as nossas páginas no Facebook, Twitter, Instagram e Vimeo!

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE