Facebook SDK

Em coletiva de imprensa nesta quarta-feira (13), a Igreja Católica fará declaração sobre mensagens reveladas à Maria da Luz, que ficou conhecida como irmã Adélia

Irmã Adélia pode ser a primeira santa pernambucana; conheça a história da religiosa
Em 2019, a Diocese de Pesqueira e o Instituto das Religiosas da Instrução Cristã iniciaram o processo de beatificação e canonização de irmã Adélia — Foto: Divulgação

Em 85 anos, desde a primeira aparição de Nossa Senhora, em 6 de agosto de 1936, esta é a primeira vez que a Igreja Católica faz uma declaração oficial sobre os fenômenos de natureza espiritual ocorridos em Cimbres, no município de Pesqueira (Agreste de Pernambuco), como também sobre as mensagens reveladas à Maria da Conceição e à Maria da Luz. Esta última ficou conhecida, mais tarde, como irmã Adélia (1922 – 2013).

$ads={1}

Veja também

Irmã Adélia pode ser a primeira santa pernambucana; conheça a história da religiosa
Irmã Adélia pode ser a primeira santa pernambucana — Foto: Divulgação

O pronunciamento oficial será feito pelo bispo diocesano de Pesqueira, Dom José Luiz Salles, e pelo bispo-auxiliar da Arquidiocese de Olinda e Recife, Dom Limacêdo Antônio. Eles falarão durante coletiva de imprensa que será realizada nesta quarta-feira (13), às 10h30, no Memorial Irmã Adélia, localizado no Colégio Damas, no bairro das Graças, Zona Norte do Recife. 

Em seguida, às 11h, os dois bispos celebrarão uma missa em intenção pelos oito anos de falecimento de irmã Adélia, que se dedicou à vida consagrada como Religiosa da Instrução Cristã. Em 2019, a Diocese de Pesqueira e o Instituto das Religiosas da Instrução Cristã iniciaram o processo de beatificação e canonização. Dessa forma, ela poderá ser a primeira santa pernambucana. Há vários relatos de possíveis milagres praticados por irmã Adélia. Eles só podem vir a público quando o pedido for aprovado no Vaticano.

Continua depois da publicidade


O QUE DISSE IRMÃ ADÉLIA

Nas comemorações dos 60 anos das aparições de Nossa Senhora em Cimbres, em 1996, irmã Adélia falou sobre a experiência que teve e o que Maria pediu. Confira: 


QUEM FOI IRMÃ ADÉLIA

Maria da Luz Teixeira de Carvalho nasceu em Pesqueira (no Agreste de Pernambuco), no dia 16 de dezembro de 1922, e ficou conhecida ao presenciar as aparições de Nossa Senhora, no Sítio Guarda, em Cimbres, distrito de Pesqueira.

Ela recebeu o nome de Irmã Adélia ao entrar para o Instituto das Religiosas da Instrução Cristã (RIC) e virar freira. Ela faleceu no dia 13 de outubro de 2013, aos 90 anos.

Irmã Adélia pode ser a primeira santa pernambucana; conheça a história da religiosa
Irmã Adélia pode ser a primeira santa pernambucana — Foto: Divulgação

$ads={2}

Com informações do JC Online

Inscreva-se no canal do Mídia em Ação no Youtube e visite as nossas páginas no Facebook, Twitter, Instagram e Vimeo!

Deixar comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Continua depois da publicidade

Publicidade