Mulher é enterrada viva pelo próprio namorado e resgatada pela polícia

Valdenice Silva estava com as mãos amarradas em região de mata quando foi salva

Mulher é enterrada viva pelo próprio namorado e resgatada pela polícia
Em depoimento, o suspeito afirma que Valdenice queria se encontrar "com outro" e por isso resolveu "puni-la — Foto: Reprodução/ Internet

Uma mulher, de 53 anos, foi encontrada pela polícia dez dias após seu desaparecimento desde 29 de novembro. Ela teria sido enterrada viva pelo próprio companheiro, em uma região de mata de Barro Preto, no sul da Bahia.

Valdenice Silva de Novais estava com as mãos amarradas quando foi resgatada. Segundo os familiares, ela está em estado de choque e que "fica apenas parada" após o ocorrido.

O paradeiro da vítima foi descoberto após os investigadores localizarem o namorado da vítima, que confessou o crime e revelou o local em que deixou a parceira no último domingo (5). O suspeito admitiu que agrediu e enterrou a mulher após uma discussão por ciúme.

Em depoimento, o suspeito afirma que Valdenice queria se encontrar "com outro" e por isso resolveu "puni-la".

O homem afirmou que empurrou a mulher durante uma discussão, no domingo, que caiu e bateu a cabeça, o que a deixou desacordada.

Nesse momento, ele achou que a parceira estava morta e reanimou a vítima. Quando ela acordou, o suspeito a amarrou e a enterrou na cova. 
O agressor foi preso.

Com informações do NE10 Interior

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE